Original Netflix | O ‘Mecanismo’, vai funcionar?



Ano passado (2017) a Netflix anunciou a produção de uma série que abordaria os acontecimentos da operação Lava-Jato. No mesmo ano começaram as filmagens, e a direção ficou nas mãos do grande diretor e cineasta brasileiro, José Padilha e o roteiro seria escrito por Helena Soares.

A plataforma de streaming pronunciou que a obra “seria uma ficção utilizando as investigações e alegações dos esquemas de corrupção de empresas do ramo de petróleo e empreiteiras estatais e privadas no Brasil” e José Padilha elucidou que a obra teria que ser produzida com imparcialidade. De imediato soubemos que a série será protagonizada por Selton Melo que irá atuar como um delegado aposentado da polícia federal, (Inspirado na figura do juiz Sérgio Moro) que está na caça de Roberto Ibraim (inspirado no doleiro e empresário Roberto Youssef) um homem que ganhou a vida com lavagem de dinheiro vivenciado pelo ator Enrique Diaz. Ao todo serão 8 episódios com filmagens nas cidades de Curitiba, Rio de Janeiro, São Paulo e Brasília DF.

Com a direção sendo guiada por Padilha, Marcos Prado e Felipe Prado, pode-se presumir que a série terá a intensidade policial bem semelhante à Tropa de Elite e Narcos, juntamente com a intensidade de atuação do elenco envolvido, que está trazendo nomes muito interessantes para o corpo da série. Com um roteiro muito bem trabalhado contendo 8 episódios é possível que a série não se torne tão maçante e arrastada como a maioria das produções da Netflix que vem optando por 13 episódios de aproximadamente 45 minutos. E por buscar inspirações no maior escândalo de corrupção divulgado no Brasil, é bem provável que atraia olhos no âmbito nacional, e o assunto a trama é tratado a todo momento nas mídias brasileiras.

O mecanismo é a segunda série nacional produzida para a plataforma de streaming, e está prevista para estrear mundialmente no dia 23 de março de 2018.

Se você ainda tem dúvidas confira os trailers.