Cinema | A importância das cores nos filmes



É um tanto complicado para nós entendermos que as cores não são algo material, e sim sensorial. Nosso cérebro é o órgão responsável por fazer compreendermos as cores com estímulos naturais, provocando a reação de enxergarmos certas cores em determinados objetos.

As cores têm grande influência em nossas vidas. Elas possuem o poder de criarmos sentimentos em nós, de fazermos entender o que determinado ambiente quer comunicar para nós. Redes de fast food, por exemplo, usam cores mais fortes em seus estabelecimentos para que o público apenas coma e vá embora, criando assim uma rotatividade maior.

No cinema não é diferente. Cada cena tem suas cores muito bem escolhidas pelo diretor de fotografia, no sentido de oferecer um significado maior para o que está escrito no roteiro. Criando assim uma sensibilidade com o público.

Harry Potter é grande exemplo. As cores vão ficando cada vez mais escuras e sombrias conforme o personagem vai crescendo, passando uma seriedade maior para a produção.

Apreciem mais algumas cenas e suas paletas, e claro, sem moderação:

 

Mad Max: A Estrada da Fúria

O Silêncio dos Inocentes

O Regresso

Cada cor tem a sua particularidade. Em certas produções ela pode significar um rumo da história, ou apenas revelar o que o personagem está sentindo naquele momento. Em Breaking Bad, sempre que temos uma situação de ganância ou inveja, a cor predominante é a verde. Já quando é uma cena de tristeza, frieza ou lealdade, o azul domina. Em Matrix, as cores têm uma mudança significativa quando Neo escolhe tomar a pílula azul.

Confira alguns dos significados de algumas cores:

Azul – Representa profundidade de sentimento e é uma cor concêntrica, passiva, associativa, perceptiva e unificadora. Seus aspectos afetivos são tranquilidade, satisfação, ternura, afeto e amor.

Verde – Representa a constância da vontade, também uma cor concêntrica, passiva, defensiva, autônoma, cautelosa, possessiva, imutável. Seus aspectos afetivos são a persistência, autoafirmação, liderança e autoestima.

Vermelho – Representa a força de vontade, autonomia, competitividade, eficiência. Transmite excitabilidade, autoridade e sexualidade.

Cinza – Representa neutralidade, é separador e imparcial. Transmite isolamento e ausência e de compromisso.

Preto – Representa o limite absoluto. As sensações transmitidas são abandono, renuncia, negação, extremismo, rejeição, extinção e temor.